Senador Telmário homenageia professora indígena

Plenário do Senado Federal durante sessão deliberativa ordinária. Em discurso, senador Telmário Mota (PDT-RR). Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

O senador Telmario Mota fez referência ao prêmio Educadora do Ano concedido a professora indígena Elisângela Suruí, de 38 anos, da localidade de Caçoai, Rondônia, pelo reconhecimento ao seu projeto de alfabetização na língua indígena Paiter Suruí. A Profª Elisângela recebeu o prêmio pelo trabalho “A fala e a escrita da criança”, que incluiu a elaboração de um material didático próprio em Paiter Suruí para os 15 alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental, que estudam todos em uma mesma sala de aula.

“Esta homenagem que faço tem um sentido especial porque o prêmio vai para uma professora indígena e eu tenho sangue indígena correndo nas veias, e convivo com os povos indígenas do meu Estado, sei das dificuldades que eles têm para acessar recursos mínimos de educação, saúde e segurança”. O senador disse ter muito orgulho pela conquista e reconhecimento dessa sua “parente”, que ganhou um prêmio nacional.

“É nessas horas que sentimos o quanto vale a pena lutar em favor dos mais vulneráveis e esquecidos pelo Poder Público. Parabéns, à Professora Elisângela, por esse prêmio que reconhece seu trabalho belíssimo e diferenciado. Parabéns pelo seu esforço, pela sua vontade, pelo seu amor ao seu povo, à sua gente”, finalizou o Senador.

Por Jair de Farias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*